Conheça a importância da gestão de manutenção nas frotas
19 de junho, 2023 1941
Gestão de Manutenção de Frotas
Artigo Artigo

Qual é o objetivo de fazer uma gestão de manutenção nas frotas?

Ninguém pode questionar a importância da gestão de manutenção em uma frota.

É através dela que você consegue visualizar a quantidade de serviços de manutenção realizados, os valores utilizados em cada tipo de manutenção, os principais motoristas que solicitam serviços, e muito mais.

Além disso, permite um maior controle e geração de informações para que a tomada de decisões seja mais efetiva e certeira quando chegar a hora — por exemplo, de renovar os veículos da sua frota.

Por todas essas questões é necessário entender:

Qual a importância da gestão de manutenção para as empresas?

Considerando todos os seus objetivos, a importância de ter um bom gerenciamento das manutenções da frota é clara: manter os veículos funcionando e os custos sob controle.

Esses fatores levam ainda a benefícios maiores, como: garantia de qualidade nas operações da frota, sejam essas entregas, movimentação de cargas, ou outros objetivos.

Além disso, notamos a importância da gestão de manutenção a partir dos processos que ela define e implementa na frota, como:

  • Controle de veículos;
  • Inspeção de veículos;
  • Levantamento e aprovação de orçamentos;
  • Programação de serviços;
  • Definição e análise de indicadores de desempenho;
  • Compra de peças e controle de estoque;
  • Geração e análise de relatórios para tomada de decisões;
  • Definição de metas e objetivos para o setor da frota.

Qual o principal objetivo da gestão de manutenção?

Dentro dos diversos objetivos que a gestão de manutenção de uma frota possui, o principal deles é garantir a máxima eficiência dos veículos da frota aos mínimos custos possíveis.

Ou seja, ter a certeza de que os veículos estão funcionando adequadamente e não vão apresentar falhas ou quebras ao realizar alguma rota. 

Além de isso evitar que as operações sofram com atrasos ou até incapacidade de completar alguma atividade, também previne que tenha custos excessivos com serviços emergenciais ou reboques.

Quais são outros objetivos da gestão de manutenção?

Avaliar os orçamentos e custos de manutenção da frota

As manutenções de uma frota estão entre os maiores custos operacionais, por isso, você deve sempre saber exatamente quais os valores que estão sendo direcionados para o setor e se estão dentro do orçamento estabelecido pela direção da empresa.

Na gestão de manutenção, partimos de uma premissa de registros e controle de informações, o que significa que você tem todas as ordens de serviço e notas fiscais armazenadas para conseguir calcular os custos de manutenção da frota.

Medir o tempo e esforço utilizado nos serviços de manutenção

Da mesma forma que os custos são registrados, é preciso ter datas de solicitações, aprovações e finalizações de serviço no seu controle. 

Isso permite identificar o tempo médio de realização de um serviço e entender como a frota é impactada durante o período que o veículo passa na oficina.

Também é possível medir a quantidade de serviços realizados por tipos de manutenção, se foram preventivos ou corretivos.

Melhorar a segurança no transporte

Quando os veículos passam pelas manutenções adequadas, ele fica em condições adequadas de rodagem, aumentando a segurança na estrada. É um motivo simples, mas que também deixa bastante clara a importância da gestão de manutenção.

Reduzir a ociosidade da frota

A ociosidade da frota é caracterizada pelos veículos que a frota possui, mas não consegue utilizar por estar com algum problema e aguardando a realização de um serviço corretivo.

Além de ter uma menor disponibilidade de veículos, em muitos casos, também recebe uma queda de produtividade na rotina.

Portanto, a redução de ociosidade da frota também leva a: 

  • Garantir que as inspeções preventivas sejam cumpridas;
  • Permitir que os serviços corretivos sejam todos planejados e programados;
  • Evitar que os veículos tenham paradas inesperadas;
  • Ter um agendamento de serviços com maior eficiência;
  • Manter um fluxo de trabalho contínuo.

Reduzir os danos ambientais

Quando os veículos passam pelas revisões, através da manutenção preventiva, problemas como vazamento de óleo, gasolina e emissão excessiva de gases são evitados.

Dessa forma, contribuindo para uma redução de impacto e danos ambientais enquanto promove uma cultura de sustentabilidade na frota.

Como gerenciar a manutenção de uma frota?

Para começar (ou aprimorar) a sua gestão de manutenção, você precisa:

1 – Planejar a sua gestão de manutenção

Um plano de manutenção é fundamental para ter um ponto de partida. Se ainda não possui uma gestão voltada para esse setor, precisa saber qual o seu objetivo, o diferencial e a importância da gestão de manutenção na sua empresa.

Caso já tenha essa gestão e esteja buscando por melhorias, o plano irá definir as metas de melhoria e quais resultados espera obter com a inclusão de novas ações e processos em sua rotina. 

2 – Acompanhar os indicadores de desempenho

Há muitos indicadores de manutenção que você pode acompanhar, mas é preciso saber priorizar, identificando aqueles que mais fazem sentido com as metas e objetivos traçados para a sua frota.

Alguns dos mais utilizados são: disponibilidade dos veículos, tempo médio entre falhas (MTBF), tempo médio para reparo (MTTR) e custo de manutenção.

3 – Entender as decisões mais importantes para o seu negócio

A partir dos objetivos, você acompanha os indicadores mais adequados e pode gerar relatórios e análises que contribuem para entender fatores como: os veículos de melhor custo benefício da operação, os serviços mais frequentes e porque ocorrem, entre outros.

Assim, você fica munido de informações concretas e mais seguro das decisões que precisa tomar em sua gestão, pois todas foram baseadas naquilo que realmente acontece no dia a dia da empresa.

Para entender ainda melhor como funciona e como realizar a gestão de manutenção na sua frota, confira o nosso material gratuito: Passo a passo para começar a gestão de manutenção em uma frota de veículos.